terça-feira, dezembro 02, 2008

Defesa Civil pede que doações para SC sejam em dinheiro

A Defesa Civil de Santa Catarina pede que as doações às regiões atingidas pelas enchentes sejam feitas preferencialmente em dinheiro, já que é mais difícil acondicionar, transportar e distribuir os produtos nas áreas destinadas do que comprá-los em locais mais próximos.

Para tanto, a Defesa Civil disponibilizou oito contas bancárias. Qualquer quantia pode ser doada. Dúvidas sobre as doações em dinheiro poderão ser solucionadas no telefone gratuito 0800 48 2020.

Contas para doação aos atingidos pelas enchentes em Santa Catarina
Banco Agência Conta Corrente
Banco do Brasil 3582-3 80.000-7
Besc 068-0 80.000-0
Caixa Econômica Federal 1877 80.000-8
Bradesco 0348-4 160.000-1
Itaú 0289 69971-2
Santander 1227 430000052
Sicoob 1005 2008-7
Sicredi 2603 3500-9


O nome da pessoa jurídica é Fundo Estadual de Defesa Civil, CNPJ: 04.426.883/0001-57. A Defesa Civil faz um alerta aos que desejarem fazer o depósito que confiram com atenção o número das contas. O órgão informa que não envia mensagens eletrônicas com pedidos de auxílio.

Alguns dos municípios afetados também abriram contas próprias, cujos números podem ser consultados pelo número 199 na Defesa Civil de cada cidade.

Produtos para a doação

Higiene pessoal: Sabonetes, escovas de dentes, creme dental, rolos de papel higiênico, caixas de cotonetes, shampoo, pentes, toalhas de rostos, pacotes de absorventes, fraldas de adulto.

Limpeza: Vassouras, rodos, panos de chão, baldes, sabão em pó, água sanitária, sacos de lixo (50 e 100 litros)
Infantis: Fraldas, mamadeiras com bico, brinquedos.

Diversos:Velas/fósforos, travesseiros, cobertores, pratos e copos de plástico (duráveis), talheres, colchões, sacos de plástico de 3 e 5 litros (sem ser de lixo, para condicionar kits de higiene pessoal) e lonas plásticas.

A Defesa Civil pede que os doadores atentem para o estado dos produtos doados.
Os alimentos devem ser não-perecíveis, estar dentro do prazo da validade e não estar em embalagens violadas.

Colchões, cobertores, roupa de cama e travesseiros devem estar limpos, em bom estado de conservação e prontos para a utilização.

Roupas e calçados devem estar limpos e em condições de uso e não podem estar rasgados ou danificados. Os calçados devem estar completos, amarrados juntos e com a numeração marcada com caneta.

Os utensílios domésticos devem estar funcionando e em bom estado de conservação.

Os produtos de limpeza não devem ser acondicionados com alimentos e roupas para evitar contaminação. As embalagens não podem estar violadas.

Via: uol/cotidiano

Um comentário:

Giancarlo Zer0 disse...

Oi parceiro.

Muito importante este post. Acabei de passar a informação pra frente lá no Nota Zer0.

Abração!!